Precisamos falar sobre a Síndrome dos Ovários Policísticos

Our Score

Hoje em dia é muito comum ouvirmos falar sobre a Síndrome dos Ovários Policísticos (SOP), não é mesmo? E, embora a palavra sugira e a gente associe que a SOP seja “Ovários-com-muitos-cistos”, uma coisa não está, necessariamente, associada à outra. Calma, a gente te explica tudo nos mííínimos detalhes!

Fleurity foi criada com o intuito de sanar todas as “dores”, angústias e problemas causados pela menstruação.

coletor menstrual Fleurity:

O que é a SOP?

Na realidade, a SOP é uma disfunção metabólica — e, como tal, não pode ser diagnosticada somente por meio de exames de imagem, como acontece quando a mulher apresenta cistos, certo? Sendo assim, é necessário fazer uma análise completa do metabolismo da paciente — a chamada anamnese metabólica — para, aí sim, identificar exatamente qual é o problema.

q eEqKDnAqcDqL11VoFyQJEVAk4B7GoLiu4C9Y4XURXmqcPC2oJW1XXt3EMK4XVUb1OX yLsJbvSSLjcradV6OnxqVTKKe2Af3gRthvuE5kV5TFBpJJs8E7Ut1NgiVSNTvOVhyis - Precisamos falar sobre a Síndrome dos Ovários Policísticos

A SÍNDROME DOS OVÁRIOS POLICÍSTICOS é uma das desordens endocrinológicas mais frequentes em mulheres na idade reprodutiva, acometendo de 6 a 10%. Em outras palavras, 1 em cada 15 mulheres podem apresentar a síndrome. UAU, é mais comum do que a gente pensava, né não?! Estima-se que, no mundo todo, 105 milhões de mulheres entre 15 e 49 anos de idade apresentem a SOP, a qual é responsável por 72 a 82% das causas de hiperandrogenismo, isto é, o aumento dos andrógenos no sangue.

Resumindoooo: Trata-se de um distúrbio que provoca alterações significativas no metabolismo, interferindo diretamente nos níveis hormonais e, consequentemente, na ovulação.

Como diagnosticar a SOP?

Uma das maneiras mais simples e eficazes de diagnosticar a SOP é por meio do ultrassom transvaginal. Outras formas que também podem ajudar a detectar a SOP são exames de sangue e de tireoide.

Para ser diagnosticada é preciso que a paciente apresente dois ou três sintomas combinados e que seja excluída outra patologia.

Sintomas da SOP

É comum que mulheres com a síndrome do ovário policístico apresentem os seguintes sintomas:

  • Aumento do volume ovariano e/ou alteração na morfologia dos ovários com a presença de cistos;
  • Hirsutismo (crescimento de pelos no rosto e outros locais em que a mulher normalmente não tem pelos);
  • Surgimento de acnes;
  • Obesidade ou sobrepeso;
  • Menstruação irregular e oligomenorreia (menstruação em intervalos longos);
  • Cansaço;
  • Problemas com a fertilidade (não causa esterilidade);
  • Alta de glicemia.
dz8 ZzemhyomJJNkzZocr0YjZ4mDXnggMGFesXJskULUK vME1AhEBVQonHjuC02wtJh7 nlEVn b6P1B Al0TO1l8w9mJMkKd  ZoaPGp RLJ63YeAZNQc2uR0S6SJExBoZOi15 - Precisamos falar sobre a Síndrome dos Ovários Policísticos

Há diferentes tipos de SOP?

Segundo os especialistas, não existem diferentes tipos de SOP. A Síndrome do Ovário Policístico e a Síndrome do Ovário Micropolicístico configuram exatamente o mesmo quadro, apesar de muitos afirmarem que são condições diferentes.

Existe cura?

Até o momento não existe uma cura para a SOP. Os especialistas acreditam que a doença é hereditária, isto é, mulheres com SOP comumente são filhas de portadoras da síndrome, mas causas genéticas conclusivas não tinham sido encontradas até então.

Sendo assim, o estudo atual resolveu analisar a gestação de mães com SOP e revelou uma descoberta interessante. Devido à síndrome, essas mulheres possuíam níveis, até, 30% mais altos que o normal de um hormônio chamado anti-Mülleriano. Em decorrência disso, foram feitos estudos em laboratório e o próximo passo, agora, é um teste usando o medicamento em mulheres. Se tudo der certo, uma das maiores causas de infertilidade feminina está com os dias contados. Yeahhh!

cfTXevuymmImfTU3c Lnp2svsikCiBhRuGjEbeHfP1KtLbS9pIJvWZoTfZ8D0KYOKykYuPFuB2j1EMYtG3LDlybZr5dSwETUQ0YoY zQ9HL7XnLl6dXgmBcSNIpnjrwaBuryHPVR - Precisamos falar sobre a Síndrome dos Ovários Policísticos

No entanto, enquanto não se descobre uma cura para a SOP há maneiras de controlá-la e seguir uma vida normal, sabia?

Tratamentos para amenizar os sintomas da SOP

Um dos métodos mais usados e indicados é o tratamento com anticoncepcionais, que são pílulas com andrógeno, ou seja, agem combatendo os hormônios masculinos.

uolFNdsJ9H 9cCCjjjrpale o7 eTlMAko BJc52ZbWZ3VC2zn4K1ES0kZ7PghPMNIGPSZwo5YTGskujsV237ES19IzuBnVy7fOGYSUY ZDqH jdRRfzZm89oiZUBaRGsbM7WsGU - Precisamos falar sobre a Síndrome dos Ovários Policísticos

Dieta e exercícios físicos representam o tratamento de primeira linha, melhorando a resistência à insulina e retorno dos ciclos ovulatórios, mesmo na ausência de perda de peso. Além disso, existem também, terapias alternativas que podem diminuir os sintomas da Síndrome dos Ovários Policísticos, como por exemplo: acupuntura e aromaterapia. Além disso, há também a possibilidade de fitoterapia e de outros medicamentos.

OthKTIf8SzRhhk3V45l7WtnCCb6B0FADiAt0nDfGP18X8oiB4S4pObGvfXfysBjSdK1afjEZtAt y5D barBs595WlMuPXLLAlcrHpVVm690Y2IjpN1LOSu23JfySQ aUK5W5sve - Precisamos falar sobre a Síndrome dos Ovários Policísticos

Outro dado importante e que merece atenção é que a SOP está associada com o maior risco para o desenvolvimento de outras doenças como câncer de endométrio (tumor localizado na parede interna do útero), ataque cardíaco e diabetes.

Apesar da SOP ser causa da irregularidade menstrual em 85% das jovens, esse distúrbio pode se manifestar de diversas formas. Por esse motivo, seu tratamento deve ser individualizado e em caso de qualquer suspeita, procure o seu médico, certo?

Cuida bem dos teus ovários, guria!

Beijos e até mais!

Conclusão

Esclareça as suas dúvidas sobre a Síndrome dos ovários policísticos, essa síndrome que é tão comentada, mas que ao mesmo tempo é pouco conhecida por nós mulheres. Saiba quais são as causas, sintomas, possíveis tratamentos e muito mais! Com as explicações que preparamos para você, ficará muito mais simples e fácil se autoconhecer e saber como funciona o seu corpo! Vem com a gente!

Gostou das informações? Que tal acompanhar mais dicas como essa curtindo nossa página no Facebook  e ficar por dentro de tudo sobre menstruação e o que acontece com o nosso corpo.

E caso você ainda não tenha os produtos da Fleurity, veja o porquê você deve comprar agora:

CTA2 - Precisamos falar sobre a Síndrome dos Ovários Policísticos

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *